10 alimentos indispensáveis para o desenvolvimento das crianças

O ideal é que as crianças sigam uma dieta baseada nesses itens e uma rotina em casa.

SF_1905_Blog_CORTE

Desde pequenas, as crianças devem ter uma alimentação saudável e balanceada que atenda às necessidades diárias, de acordo com sua faixa etária.  Para isso, a endocrinologista do laboratório Sérgio Franco Medicina Diagnóstica, Yolanda Schrank, preparou uma lista com dez superalimentos que ajudam no desenvolvimento infantil e não podem faltar no cardápio dos pequeninos.

Segundo a especialista em nutrição clínica, a ingestão desses nutrientes básicos evitam malefícios como atraso no crescimento, dificuldade no ganho de peso, falta de concentração e dificuldade de aprendizado. “O ideal é que as crianças sigam uma dieta baseada nesses itens e uma rotina em casa. É preciso que elas tenham os horários bem definidos para todas as atividades: acordar, se alimentar, brincar, estudar, tomar banho e dormir, entre outras”, complementa a Dra. Yolanda.

 Veja quais são os dez superalimentos que não podem faltar à mesa para as crianças:

 1.    Carnes

Seja de boi, frango ou peixe, elas possuem alto teor de ferro heme (hemínico ou orgânico), só encontrado nesses alimentos, e zinco, que previnem anemia e ajudam na formação dos sistemas nervoso e circulatório.

2.    Cereais

Itens como arroz branco e integral, aveia, massas, batatas e mandioca são fontes ricas de carboidratos complexos, ótimos para dar energia aos pequeninos.

3.    Fígado

Rico em vitamina K, esse alimento é responsável pelo processo de coagulação sanguínea.

4.    Feijão

O feijão é uma poderosa fonte de proteína, ferro não heme (não hemínico) – que está presente também nos vegetais, no leite e nos ovos – e fibras.

  5.    Frutas in natura

As frutas são excelentes fontes de vitaminas e fibras. As cítricas são ricas em vitamina C, que auxiliam na imunidade e na absorção do ferro não heme proveniente de alimentos de origem vegetal.

 6.    Vegetais amarelo-alaranjados

Alimentos como cenoura, abóbora, manga e mamão possuem grande concentração de vitamina A, previnem a cegueira noturna e auxiliam no desenvolvimento celular.

7.    Vegetais verde-escuros

Fontes de vitamina A e C, ácido fólico e potássio, o espinafre, o brócolis, a couve e o agrião, por exemplo, ajudam na contração muscular e no bom desempenho cerebral.

8.    Muitas hortaliças cruas

Nas saladas, as hortaliças são um prato cheio de fibras que ajudam no funcionamento intestinal.

9.    Azeite, óleos, manteiga e margarina

Apesar de serem consumidos em pequena quantidade, esses alimentos são energéticos e ricos em vitaminas lipossolúveis e ácidos graxos essenciais.

10. Água

Além de ser importantíssima para a hidratação do corpo, é enriquecida com flúor, essencial para a mineralização de dentes e ossos.