Oscar Schmidt

Maior nome do basquete brasileiro já passou por um grande susto na saúde

oscar

 

Mesmo aposentado há dez anos, Oscar Schmidt é até hoje o maior ídolo do basquete brasileiro. Com um currículo cheio de recordes – ele é o maior pontuador de todos os tempos, com 49.703 pontos –, o cestinha de 2,05 metros de altura entrou para o Hall da Fama do basquete nos Estados Unidos neste ano.

Entre tantas vitórias na vida, uma delas é no quesito saúde. Mesmo com a vida de atleta e garantindo que nunca fumou ou bebeu, Oscar levou um susto em 2011 após passar mal na banheira de um spa em Orlando, EUA. Ao chegar no hospital, descobriu um tumor cerebral de 7,5 cm de diâmetro e teve medo. Após a operação para retirada, o neurocirurgião Marcos Queiroz concluiu que o nódulo era benigno e, quando o jogador voltou para casa, muita coisa mudou.

“Guardo menos dinheiro e tento aproveitar mais a vida com a minha família”, conta Oscar. “De 3 em 3 meses tenho que fazer ressonância e tomo mais vitaminas. Só não corto doces e refrigerante”.

De acordo com ele, doces realmente são a sua perdição. Quando tinha 19 anos, comeu 66 bombons de um dia para o outro e foi parar no hospital por causa disto. Hoje o jogador não comete tais exageros, mas confessa: “não sigo dieta, mas deveria”.

Oscar nunca negou que não gosta de ir a consultórios médicos e fazer exames de rotina, mas sabe que conforme o tempo passa os cuidados precisam aumentar. Para manter o corpo em forma, nada de basquete – Oscar trocou a modalidade pelo futebol, pois o risco de se machucar é menor. “Mas não sei jogar”, esclarece aos curiosos.

Quanto à vaidade, Oscar afirma não seguir nenhuma rotina de beleza para cuidar da pele: “vou envelhecer como tem que ser”.

Agora, longe das quadras, o Mão Santa usa o seu perfil de liderança para fazer palestras em empresas. Tudo sempre com muita animação, mas com calma também – depois do tumor, concluiu que é melhor fazer menos para viver melhor. Para Oscar, o que realmente importa é a qualidade de vida e bem estar, uma junção de “saúde, família, dinheiro e tempo para gastar”.

Tags:, , , , ,